R$78,30

Meios de envio
Nossa loja
  • Velas Pai João De AngolaAvenida Dona Sofhia rasgulaeff, 177, Jardim Alvorada Maringa - Pr. CEP 87033400 - Atendimento de Segunda à Sexta das 9:00 às 18:00 Telefone (44) 3034-5827 e Whatsapp (44) 9 9736-0296
    Grátis
Descrição

Os Ciganos na umbanda

São entidades que há muito tempo trabalham na Umbanda, mas normalmente se manifestam sob domínio da linha do oriente, entre outras. Isso é possível pelo fato da energia de trabalho ser a mesma, o que muda é a forma de manipular os fluídos, uma vez que os ciganos usam uma relação material, energética, elementar e natural.

Entre as legiões de Ciganos os nomes mais conhecidos são: Cigano Pablo, Wlademir, Ramirez, Juan, Pedrovick, Artemio, Hiago, Igor, Vitor e tantos outros.
 Da mesma forma temos as ciganas, como: Esmeralda, Carmem, Salomé, Carmencita, Rosita, Madalena, Yasmin, Maria Dolores, Zaira, Sunakana, Sulamita, Wlavira, Iiarin, Sarita e muitas outras também.

Os Ciganos usam muitas cores em seus trabalhos, mas cada Cigano tem sua cor de vibração no plano espiritual e uma  outra cor de identificação.
 Uma das cores, a de vinculação vibracional, raramente se torna conhecida, mas a de trabalho deve sempre ser conhecida para prática votiva das velas, roupas, etc.

É muito comum os Ciganos usarem em seus trabalhos moedas antigas, fitas de todas as cores, folha de sândalo, punhal, raiz de violeta, cristal, lenços coloridos, folha de tabaco, tacho de cobre, de alumínio, cestas de vime, pedras coloridas, areia de rio, vinho, perfumes, baralho, espelho, dados, moedas, medalhas e até as próprias saias das ciganas, que são sempre muito coloridas, como grandes instrumentos magísticos de trabalho.

Ainda, é importante saber que esses espíritos são profundos conhecedores sobre o uso de ervas e cristais, banhos de todos os tipos, o uso curativo das cores, imposição de mãos, magnetizações, harmonização emocional, telepatia, hipnose, entre outras técnicas terapêuticas alternativas, que fortalecem energeticamente o indivíduo, ajudando muito nos tratamentos médicos convencionais.

Os médiuns das entidades ciganas devem estar preparados para facilitar o trabalho da entidade.
 Isso quer dizer, devem estudar, aprimorando seu conhecimento.
 Se a entidade optou em trabalhar com oráculos (baralho cigano, tarô, runas) cabe ao médium estudar um pouco esses oráculos.
Se a entidade trabalha mais com magias, o médium deve aprender a conhecer essa arte, para poder ser um médium magista mais preparado. Se a entidade quer fazer trabalhos de cura, o médium deverá conhecer mais sobre as terapias alternativas, fitoterapia, fluido terapia, magnetismo, etc.
 O trabalho é conjunto, troca, dedicação e disciplina.

As festas ciganas devem acontecer com bastante fruta, todas que não levem espinhos de qualquer espécie, podendo se encher jarras de vinho tinto e sangria.
Utilizam-se pães, muitas flores silvestres, rosas, velas de todas as cores. Os incensos também são importantes na realização de seus passes espirituais.
 Observam também as diversas fases da Lua em seus encantamentos.
 Entretanto, o mais importante para o Povo Cigano é interagir com a Mãe Natureza respeitando seus ciclos naturais e sua força geradora e provedora.

Salve o povo cigano.

***Optchá***